Guilherme Biteco entra bem e abre disputa com irmão na Libertadores


O meia Guilherme Biteco entrou aos 19 minutos do segundo tempo na vaga do volante e irmão Matheus. Tempo suficiente para abrir uma disputa com o familiar por uma vaga na Libertadores, já que, nas oitavas, abrem-se três possibilidades de trocas na lista de 30 nomes. Além de ter melhorado a produção ofensiva, o garoto de 19 anos mostrou que não teme decisões: cobrou o último pênalti da série diante do São Luiz e colocou o Grêmio na semifinal da Taça Farroupilha, o segundo turno do Gauchão.

De acordo com Guilherme, a penalidade não o deixou nervoso. Revela ansiedade para saber se poderá disputar a competição continental mais adiante:

- Estou trabalhando para isso, ansioso. O professor (Vanderlei Luxemburgo) vai saber fazer a melhor escolha - avisa. - Foi tranquilo bater o pênalti.

Matheus é mais jovem, tem 17 anos, e é muito elogiado pela direção por sua personalidade dentro e fora de campo. Para ele, o importante é haver um dos clãs dos Bitecos em campo:

- É uma disputa sadia. Quem estiver jogando vamos ficar feliz.

Embora tenha o direito de trocar três nomes para as oitavas, o Grêmio pretende efetuar duas mudanças e deixar uma para as quartas de final, artifício permitido pela Conmebol. Assim, Fábio Aurélio ficaria com uma vaga imediata. A outra estaria em disputa pelos irmãos. A direção tem até 29 de abril para enviar as alterações à entidade. No dia 1º de maio, enfrenta o Independiente Santa Fé, da Colômbia na Arena.

Fonte G1.com.br

Aplicativo

Para instalar no Android, ative a opção para instalação de aplicativos de fontes desconhecidas.

Os aplicativos são disponibilizados por CICLANOHOST


Facebook


Twitter